Algumas formas de inserir a alimentação ao bebê

Fazendo Jar Food com Segurança

Existem boas razões para considerar a possibilidade de moer sua própria comida para a hora das refeições do bebê, mas uma grande vantagem do alimento em frasco comprado em loja são os conservantes. Os conservantes mantêm os alimentos frescos por mais tempo, de modo que os alimentos em boiões geralmente não estragam tão rapidamente quanto qualquer coisa feita em casa.

“Longer” não é o mesmo que “para sempre”. Se você estiver guardando sobras em pote para a próxima refeição, isso pode introduzir bactérias da boca do bebê nas sobras, onde as bactérias podem crescer, potencialmente perturbando pequenas barrigas na próxima vez. Se você estiver fazendo isso e notar sintomas como diarreia ou vômito, tente mudar os hábitos das refeições.

Estabeleça padrões saudáveis evitando junk food

É difícil de acreditar, mas seu pequeno e indefeso pacote de alegria cresce rapidamente e logo ele está comendo muitos dos mesmos alimentos que você. Mas se o que você come for junk food, este pode ser um momento perigoso para a saúde digestiva do seu filho.

Ao introduzir alimentos salgados, doces, gordurosos e gordurosos cedo, você pode estar iniciando seu filho em um longo caminho de hábitos alimentares não saudáveis.

Esses hábitos podem ser difíceis de quebrar, portanto, para uma saúde melhor para toda a família, comece a fazer da alimentação saudável uma prioridade em sua casa.

Alimentos a Evitar

Pode ser tão emocionante apresentar novos alimentos ao seu bebê. Esta deve ser uma experiência alegre, mas para garantir que continue assim, você deve estar ciente de alguns alimentos a evitar.

Um deles é o mel, se o seu bebê tiver menos de um ano de idade. O mel pode causar botulismo infantil, uma doença muito séria. Além disso, evite alimentos pesados que podem representar risco de asfixia, como uvas inteiras, cachorros-quentes, pipoca, pedaços de queijo e frutas e vegetais crus carnudos.

Temperos e temperos: a comida para bebês deve ser branda?

Muitas crianças são alimentadas com alimentos leves e ricos em amido, porque esses alimentos atendem às suas preferências naturais e são consumidos de forma confiável com menos reclamações.

Mas as opções mais saudáveis que você realmente deseja que eles comam tendem a ter sabores mais complicados. E não há nada de errado em estimular a comida do bebê, que pode facilitar a transição para escolhas mais sólidas e saudáveis no futuro.

Quando começar com alimentos sólidos

Quando é a hora de tirar o seu bebê da mamadeira? Para melhor atendimento, aqui está o que os médicos têm a dizer. Os bebês não devem começar a comer alimentos sólidos até atingirem os seis meses, de acordo com a Academia Americana de Pediatria.

Muitos bebês começam com sólidos mais cedo – por volta da fase de três a quatro meses. Isso é especialmente verdadeiro se você amamentar seu bebê com mamadeira ou se achar que ele é agitado.

Mas isso representa ameaças especiais à saúde. Bebês que começam com sólidos antes dos seis meses têm maior probabilidade de ganhar peso.

Não apenas eles freqüentemente ganham peso, mas ganham o tipo prejudicial à saúde – eles ficam mais gordos. Esse peso extra pode estar preparando seu filho para uma luta vitalícia contra a obesidade, então siga os conselhos dos médicos e não coma alimentos sólidos até a marca dos seis meses.

Suco: bom ou ruim?

O suco de fruta é uma parte comum até mesmo da dieta das crianças mais pequeninas. Mas os médicos agora recomendam evitá-lo completamente antes de seu primeiro aniversário.

Isso porque, quer contenha ou não a palavra “fruta”, o suco de fruta não é particularmente saudável. Não deve ser usado como um substituto para frutas reais, de acordo com a Academia Americana de Pediatria, pois pode levar à obesidade.

Suas diretrizes também sugerem que você limite o consumo de suco de frutas para crianças de 1-3 a 120 gramas por dia ou menos. Parte do problema é a cárie dentária, o que é particularmente arriscado se seu filho tiver um copo com canudinho ou uma caixa de suco para beber quando quiser.

Além disso, evite qualquer suco que não seja pasteurizado. Algumas crianças tomam medicamentos que podem interferir com o suco de toranja; portanto, se seu filho estiver tomando medicamentos, consulte primeiro o médico.

Quando um médico deve ser chamado

Você se incomoda com a maneira como seu bebê está comendo ou não está comendo? Se sua preocupação não for abordada aqui, ou se você estiver percebendo sinais preocupantes, como perda de peso do bebê, vômito ou engasgo com certos alimentos, você deve ligar para o pediatra imediatamente.

Isso também é verdade se você acha que seu bebê tem refluxo ácido ou se a criança está tendo prisão de ventre, diarreia ou desidratação. Quando você tiver dúvidas sobre a dieta do seu bebê, não hesite – chame o médico.

A gravidez pode lhe deixara cima do peso, praticar exercício físico e comer da maneira correta pode lhe ajudar a emagrecer, assim como detox caps faz, limpando seu organismo de toxinas e oxidantes desnecessários enquanto diminui seu peso na balança.

E o melhor de tudo isso é que não existem efeitos colaterais, justamente por se tratar de um produto 100% natural. Vale a pena conhecer!

E então, ficou alguma dúvida em relação ao conteúdo que trouxemos hoje?

Conte a nós, comente abaixo!

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *