Como escolher tênis de corrida?

Escolher tênis de corrida não é uma coisa fácil, por ignorância, em muitas ocasiões cometemos um erro gravíssimo, compramos os tênis que gostamos sem saber se são esses que precisamos ou se são os que mais se encaixam no nosso perfil.

Escolher um tênis de corrida que não corresponda às nossas necessidades e ao nosso perfil pode levar a muitos problemas.

Para isso, apresentamos aqui alguns passos básicos que devem ser seguidos para escolher o tênis de corrida que corresponda às nossas necessidades e seja o mais semelhante possível ao nosso perfil de corredores.

Veja também o incrível calçado nike vomero 15 | Qualidade e conforto em um só tênis.

QUAL É O MEU TIPO DE PISO?

Saber o tipo de piso que você tem é algo muito importante a ter em conta na hora de escolher um tênis de corrida. Você deve saber a resposta para estas perguntas:

Que tipo de pegada eu tenho? Sou um corredor neutro? Eu sou um pronador? Ou, pelo contrário, minha pegada é totalmente supinadora?

PISO NEUTRO

Esse tipo de piso é o mais comum entre os corredores, isso não quer dizer que também seja seu. Esses corredores têm um piso completamente plano, para que mantenham as pernas paralelas durante a corrida.

QUE MOVIMENTO UM CORREDOR NEUTRO FAZ NA CORRIDA?

O primeiro apoio na aterrissagem ocorre no calcanhar, esse movimento é transferido para a parte central do pé e o corredor acaba se impulsionando com a parte frontal do pé.

PRONADOR

Apesar do fato de que a grande maioria não tem ideia, muitos corredores são pronadores. Isso leva muitos corredores por desconhecimento a utilizarem um material nesta prática que não atende às suas necessidades.

Esse tipo de corredor tende a correr com as pernas juntas e bater com a parte mais interna do pé, que absorve todo o peso durante o exercício. É comum ver corredores pronados sofrendo uma lesão no joelho devido à rotação do tornozelo.

É importante saber que dentro da pronação existem diferentes graus.

QUE MOVIMENTO FAZ UM CORREDOR PRONADOR NA CORRIDA?

O primeiro apoio na aterrissagem é feito pela parte externa do calcanhar, esse movimento é transferido para a parte direita do pé e acaba sendo impulsionado com a parte frontal mais centralizada do pé.

SUPINADOR

Essa pegada é rara, eles são conhecidos como corredores com arcos altos. Estes correm com as pernas mais afastadas, pelo que o piso é feito com a parte de fora do pé. É muito comum ver corredores com problemas no tornozelo devido ao piso.

QUE MOVIMENTO UM CORREDOR SUPINADOR REALIZA NA CORRIDA?

O primeiro apoio na aterrissagem é feito com a parte externa do calcanhar, esse movimento não é muito diferente de outros tipos de piso. O peso recai na parte lateral tanto na parte central do suporte quanto no empurrão final no antepé.

Por outro lado, saber a altura do arco do pé é essencial. Se você vai praticar corrida como de costume (diariamente ou 4 dias por semana) e com uma carga considerável de quilômetros, é aconselhável fazer um estudo com um podólogo, para conhecer nosso tipo de arco e comprar o tênis de corrida de acordo para ele. nossas características.

Conhecer nosso tipo de arco e nosso piso será um fator muito importante para determinar qual sapato devemos escolher.

O MEU PESO INFLUENCIA NA ESCOLHA DE UM SAPATO?

A resposta é clara, é claro. Dependendo do seu peso, o tênis de corrida terá que ter certas características. Na tabela a seguir resumimos tudo:

tipo de corredor Peso no homem Peso em mulheres tipo de sapato
Peso leve menos de 65kg menos de 50kg ·         sapato flexível

·         Sapato misto válido tanto para corrida como para treino.

Peso medio Até 75-80kg até 60kg ·         Sapato com mais amortecimento do que em peso leve.
Até 90kg Até 90kg Até 75kg ·         Sapato com bom amortecimento.

·         Solado médio largo.

·         É importante que o sapato seja capaz de absorver o máximo de impacto possível durante a corrida.

Peso pesado Mais de 90kg Mais de 75kg ·         Sapato com amortecimento considerável capaz de absorver o impacto durante a corrida.

·         Ótimo calcanhar e controle de pé interno.

QUE RITMO VOCÊ ESTÁ EXECUTANDO?

Treinar em altas taxas (4min/km) não é o mesmo que treinar em baixas taxas (5,30min/km).

Uma vez esclarecido isso, se meu treino vai ser em alta, minha busca é me movimentar com tênis leves (devemos sempre levar em consideração nosso peso). Mas se meu ritmo for baixo, em torno de 5,30 min/km, teríamos que optar por tênis de corrida com amortecimento e estabilidade.

EM QUE SUPERFÍCIE VOU CORRER?

Seu sapato deve ser o certo para o terreno em que você vai praticar. Se vai correr em superfícies diferentes dependendo do treino que faz, é aconselhável usar o calçado adequado para cada uma delas.

Se você corre no asfalto, deve levar em consideração duas coisas:

  • O amortecimento.
  • A sola, que é resistente ao atrito do asfalto e tem boa aderência.

Se a sua escolha for a montanha, deve optar pelo calçado Trail, que lhe proporciona um bom suporte, tração, estabilidade e proteção. A sola adapta-se perfeitamente a estes terrenos, possuem pitões para dar maior aderência e segurança à nossa corrida. Algo que devemos levar em consideração é que esses sapatos não funcionam bem no asfalto.

É IMPORTANTE SABER ESCOLHER O TAMANHO?

O tênis de corrida em hipótese alguma deve ser justo/pequeno ou pelo contrário deve sobrar muito espaço entre a ponta do polegar até o início do tênis. Recomenda-se sempre escolher o sapato com uma margem de 0,5cm de comprimento, pois durante a prática nosso pé dilata e isso pode causar dores e lesões desnecessárias.

OUTROS ASPECTOS A TER EM CONTA:

Tendo em conta tudo o que precede, não devemos esquecer certas coisas que são ainda menos importantes. Dependendo do nosso (se é largo ou estreito) devemos escolher bem a forma do sapato, se é uma forma larga ou estreita, não cometamos o erro de escolher um sapato que não caiba no nosso pé.

Algo que devemos lembrar são as lesões, tanto as antigas (não menos importantes que as atuais ou mais recentes) quanto as recentes, nunca devemos negligenciá-las, especialmente se tivemos problemas graves no joelho, tornozelo ou costas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *