higiene_no_bebe

Dicas sobre higiene do bebê

Durante os primeiros anos, as necessidades de higiene dos bebês dependerão dos adultos, pois os bebês não poderão fazer nada sozinhos. Portanto, os adultos serão responsáveis ​​por realizar todos os cuidados e higiene para o bem-estar de seu bebê . Além disso, foi demonstrado que, quando os pais realizam processos de higiene com seus filhos, os laços com eles são mais fortes. Você precisa saber a partir do momento em que passa pelas mãos da equipe médica, da enfermaria e da auxiliar de enfermagem no momento do parto.

Confira também – Luvinha Mordedor para o seu bebê.

higiene_no_bebe

O principal objetivo da higiene do bebê é proteger o corpo de agentes tóxicos ou infecciosos, contribuindo para a melhoria do bem-estar da criança. Mas também devemos levar em consideração a higiene ambiental, que consiste na higiene dos espaços, materiais e ambiente em que a criança realiza suas atividades. Portanto, os adultos não apenas terão que cuidar da higiene corporal do bebê, mas também da higiene do ambiente em que vivem.

Quando se trata de higiene corporal do bebê, se não levarmos em conta uma série de medidas de higiene, isso pode causar alguns problemas, como assaduras ou que ele não consegue respirar bem durante a amamentação devido ao ranho. Então, vamos discutir algumas das medidas básicas de higiene para cuidar do bebê.

O banho do seu bebê

Antes de tudo, é importante que estabeleçamos sempre o mesmo horário para o banheiro. O mais recomendado é que seja de noite, pois após o banho o bebê ficará relaxado e mais preparado para o descanso.

Antes de começar a tomar banho, é importante que tenhamos todos os materiais preparados, além disso, devemos garantir que a temperatura do banheiro varie entre 23 e 25 graus Celsius.

Para o banho do bebê, usaremos um banho especial para bebês, que são menores e o banho será mais fácil para nós. Não devemos encher a banheira com mais de 15 cm de altura e a água deve estar à temperatura corporal, ou seja, oscilar entre 35 e 37 graus Celsius.

Na hora do banho, devemos segurar o bebê com um braço , para que o lado interno do cotovelo apoie sua cabeça e suas mãos cheguem ao fundo do bebê. Inclinaremos sobre a banheira e, com a ajuda do outro braço, lavaremos o corpo. Para lavá-lo, devemos usar sabonetes especiais .

Depois de terminar o banho, devemos cobri-lo com uma toalha; será essencial cobrir a cabeça, pois é a parte do corpo onde está o maior calor corporal. Antes de vestir, devemos garantir que esteja muito seco, principalmente por causa das dobras para evitar picadas ou fungos.

Cuidar do umbigo do bebê

Após o parto, o cordão umbilical levará de 8 a 10 dias para se soltar. Uma vez destacada, aparecerá uma ferida, que se recuperará em 3 ou 5 dias após a queda. Devemos curar o umbigo durante esse período com álcool a 70% e tentar mantê-lo seco, protegido e coberto, evitando assim qualquer tipo de infecção.

Limpeza nasal

Recomenda-se limpar o nariz após o banho, pois com o vapor e a água quente o muco se dissolve e é mais fácil de extrair. Como o bebê não pode soprar o muco para removê-lo, os adultos terão que removê-lo. Os métodos mais utilizados são soro fisiológico e aspiradores nasais.

Os soros fisiológicos são o método mais recomendado pelos pediatras, cujo objetivo é ajudar a desfazer o muco, para que o bebê possa expulsá-lo pelo nariz ou engoli-lo.

Aspiradores nasais são um dispositivo feito de um tubo de borracha com um aplicador final, que é inserido no nariz do bebê. Através do tubo, os pais sugam para deixar o muco na cápsula intermediária.

Como limpar as orelhas do bebê

As orelhas dos bebês podem produzir cera, mas isso não significa que estejam sujas. Mesmo tentar remover a cera pode ter o efeito oposto e, em vez de remover a cera, podemos empurrá-la e criar uma rolha. Portanto, devemos evitar o uso de hastes ou objetos alongados, pois podemos danificar o tímpano.

Ao limpar as orelhas, só podemos limpar a parte externa, que limparemos preferencialmente durante o banho, usando uma gaze umedecida e com movimentos para o exterior.

Como limpar os olhos do bebê

Nos primeiros meses, os bebês geram muito muco nos olhos e no nariz, principalmente quando acordam, na forma de manchas e muco. A higiene ocular será essencial para evitar problemas como conjuntivite, ductos lacrimais bloqueados, etc.

Limparemos os olhos com toalhetes esterilizados ou gaze embebida em água fervida ou soro fisiológico, nunca com água de camomila por causa do risco de reações alérgicas. O movimento para limpá-los sempre será na direção do ângulo interno do olho em relação ao externo e teremos que usar uma gaze para cada olho, depois teremos que secá-los.

Higiene bucal

Os bebês ainda não têm dentes. Para realizar a limpeza bucal, devemos colocar a criança de costas em uma superfície horizontal com a cabeça de um lado e abrir a boca pressionando levemente a mandíbula. Em seguida, introduziremos uma gaze seca com o dedo indicador em forma de gancho para extrair as secreções da boca e, com outra gaze umedecida, revisaremos a língua e o resto da boca.

Quando seus dentes começarem a sair, começaremos com o uso da escova e começaremos a escovar os dentes como adultos.

Como cortar as unhas

Até os 20 – 30 dias de idade, não será necessário cortá-los devido à dificuldade em distinguir o dedo da unha. Depois de cortar as unhas, devemos cortá-las semanalmente, pois crescem muito rapidamente, enquanto as dos pés demoram mais para crescer.

Manter uma boa higiene das unhas será muito importante para  evitar que o bebê coça  ou seja infectado pelas unhas.

Para cortar as unhas, usaremos uma tesoura com bordas rombas. Cortaremos as unhas dos pés em linha reta, enquanto cortamos as unhas das mãos em uma curva, tentando nos dois casos não cortar até o limite da pele para evitar que as unhas fiquem cavadas no dedo.

Troca de fraldas

Como no banheiro, antes de iniciar a troca de fraldas, precisamos ter todos os materiais preparados à mão.

Antes de colocar outra fralda, você deve limpar a área muito bem . Essa limpeza deve ser feita de maneira diferente, dependendo se o bebê é menino ou menina. Nas meninas, a limpeza sempre deve ser feita da frente para trás (é voltada para o ânus) e não o contrário, para evitar a propagação de bactérias do intestino para a bexiga ou vagina.

Desta forma, evitamos possíveis infecções. Enquanto nos meninos, ela é realizada desde as coxas até o pênis, prestando atenção especial à área dos testículos, pois, como a pele que os cobre é áspera, pode permanecer na urina ou nas fezes.

Quando o bebê estiver limpo, toda a área que lavamos deve secar muito bem, prestando atenção especial às dobras. Em seguida, colocamos o bebê deitado de costas em uma toalha, levantamos pelos pés e abrimos a fralda por baixo, tentando garantir que a parte superior fique na cintura. Em seguida, largamos as pernas do bebê, levantamos a frente da fralda e a fechamos.

As fraldas devem ser colocadas de forma que fiquem confortáveis, ou seja, que não fiquem muito apertadas ou muito frouxas, pois nesse caso a urina pode vazar. Hoje, fraldas adaptadas ao peso e sexo do bebê estão no mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *