Como escolher o melhor calçado para jogar tênis

Dicas para você escolher o melhor tênis. Com o sapato ideal para você, você verá seu desempenho melhorar e poderá levar seu jogo para o próximo nível.

Para nós, o tênis é mais do que um esporte ou um hobby: é a nossa paixão! Isso nos diverte e em muitas ocasiões é motivo de alegria; é emocionante e às vezes exaustivo; inspira-nos, às vezes frustra-nos e, ao mesmo tempo, exige que façamos o nosso melhor!

Corremos, travamos, saltamos, escorregamos na pista, andamos de um lado para o outro … E para fazer tudo isso sem nos machucar, é importante ter um bom par de tênis que nos permita atender às necessidades desse esporte.

Amortecimento, estabilidade, sola, ajuste… escolher o melhor tênis não é fácil, sabemos. É por isso que lhe oferecemos este guia, para que possa escolher o melhor ténis que melhor se adapta a si, aos seus pés, ao seu jogo …

Procurando artigos esportivos como, raquete, Bola de tênis e mais? Confira agora mesmo no link.

3 pontos para ter em mente ao comprar tênis

  1. Superfície

Para otimizar seu desempenho, é recomendável que você procure um calçado com uma sola adaptada ao tipo de superfície que costuma jogar.

Trilhas difíceis.

As superfícies mais populares ou mais comuns para jogar tênis são as quadras duras. São também os que mais desgastam o calçado, pelo que para este tipo de superfícies necessitará de maior durabilidade na sola.

A maioria dos tênis de quadra dura apresenta um padrão de espinha de peixe modificado que lhe dará a aderência necessária em superfícies de quadra dura. Além disso, esses calçados costumam ter um bom amortecimento, sola intermediária para obter uma pegada mais energética e materiais que absorvem o impacto. A parte superior do sapato é tipicamente mais difícil de adicionar mais suporte e durabilidade, e a biqueira é geralmente mais reforçada, pois uma superfície muito dura pode danificar o sapato consideravelmente.

Argila

Os tênis para terra chicoteados têm um padrão em espinha (ziguezagues) na sola, o que faz com que você tenha mais aderência em superfícies escorregadias. Este tipo de padrão não permite que a sujeira penetre na sola e oferece melhor tração quando você começa a se mover, parar ou mudar de direção. Caso isso aconteça, a areia penetra nas ranhuras da sola, basta dar um leve toque com a raquete nas laterais do sapato para expulsá-la.

O padrão em espinha também facilita os movimentos laterais para que você possa deslizar suavemente pela quadra e retornar à posição inicial rapidamente. Você também pode mover de trás para a frente, ou vice-versa, com mais facilidade. Outra razão pela qual é uma boa ideia escolher sapatos de argila, se for a sua superfície de jogo habitual, é porque a parte superior do sapato é mais justa e isso não só favorece a estabilidade, mas também evita deixe a terra entrar no seu sapato.

Grass Tracks

Como o barro, a grama é uma superfície muito menos agressiva ao corpo e às articulações do que quadras duras. Não há uma grande variedade de calçados de grama, mas é uma superfície onde você tem que ser rápido, então com certeza irá querer calçados adequados para isso.

A sola de um tênis de grama tem pontos ou pequenas tachas que lembram um pouco as chuteiras. Este tipo de sola adere bem em superfícies escorregadias. Apesar de ser uma sola áspera, não agride a quadra e permite que os jogadores façam movimentos rápidos e confortáveis, assim como exige o tênis na grama. Ao contrário dos calçados projetados para superfícies duras, não é aconselhável usar este tipo de calçado em outros tipos de pistas.

  1. Seus pés

Seus pés são tão únicos quanto você. Uns têm o pé mais largo, outros médios, outros estreitos … Nada acontece, só tem que encontrar o sapato que melhor se adapta ao formato do seu pé. Não se preocupe, existe. Portanto, primeiro vamos ver como saber o comprimento e a largura de seus pés.

Como medir seu pé:

Etapa 1:  coloque um pedaço de papel no chão em uma superfície plana, dura e lisa.

Passo 2:  calce umas meias parecidas com as que vai usar para jogar tênis e fique em pé com um pé no papel.

Etapa 3:  mantenha o peso do corpo sobre o pé e desenhe uma linha fina no papel ao redor do pé. Ao desenhar a linha, mantenha o lápis perpendicular ao solo.

Etapa 4:  para encontrar o comprimento do pé, meça a distância verticalmente.

Etapa 5:  para encontrar a largura do pé, meça a distância horizontalmente.

  1. Seu estilo de jogo

Que tipo de jogador você é?

Você tem um footwork leve? Você gosta de correr na pista? Ou você é um daqueles que ficam na linha de base e precisam de mais apoio no calcanhar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *