As 10 chaves para comprar âmbar autêntico online

Para comprar âmbar autêntico online, é preciso levar em conta uma série de dicas, pois existem falsificações: procure uma loja online de âmbar de confiança, que dê garantias e ofereça o certificado de autenticidade e, se possível, que também tenha loja física .

O âmbar é uma resina natural cuja formação requer milhões de anos. Sua extração também é trabalhosa, assim como seu tamanho. Portanto, não é uma pedra barata. De fato, em alguns países seu valor é igual e até supera o preço do ouro, porque múltiplas propriedades e crenças também estão associadas à sua beleza.

Dada a procura deste material, são frequentes as imitações, a maioria feitas com todo o tipo de plásticos, misturados com algumas pedras ou poliéster, mas que podem confundir quem não sabe identificar o âmbar autêntico. É por isso que é importante manter essas dicas em mente ao comprar âmbar autêntico online ou encontrar Colar de âmbar autênticos confiáveis.

Então… Como sabemos que o que eles estão nos vendendo é âmbar e não uma imitação?

10 chaves para comprar âmbar autêntico online

Antes de comprá-lo:

1- Cuidado com as pechinchas

Um dos aspectos que você deve levar em consideração quando quiser comprar o autêntico âmbar do Báltico em uma loja online é ter cuidado com preços muito baixos ou com aparentes pechinchas, embora o fato de serem imitações nem sempre implique que seu preço é mais baixo. Então o perigo é duplo. O melhor é comprar as peças em locais de confiança, não se deixar tentar por pechinchas porque não existem e exigem um certificado de autenticidade. Os estabelecimentos que compram âmbar do Báltico com garantias oferecem essa garantia sem nenhum problema.

2- Exija o certificado de autenticidade

O melhor é comprar as peças em locais de confiança, se possível em lojas especializadas em âmbar autêntico como a Luz de Luna, e não se deixar tentar por pechinchas porque não existem e exigem um certificado de autenticidade. Os estabelecimentos que compram âmbar do Báltico com garantias, como fazemos na Luz de Luna, oferecem-lhe esse documento sem qualquer problema.

3- Escolha uma loja de garantia

Mesmo se você estiver comprando âmbar autêntico pela internet de qualquer lugar da Espanha, é sempre melhor fazê-lo pela página de uma loja física, onde você sabe que eles poderão ajudá-lo por telefone caso tenha algum problema e o que você sabe a localização.

Depois de comprar âmbar online

4- A aparência do âmbar autêntico

Outra de suas características, talvez a mais óbvia, é que é uma resina natural, portanto irregular e imperfeita. É impossível que uma pedra de âmbar seja igual a outra. Então você tem que fugir de colares perfeitos com pedras idênticas. Eles são falsos. O tamanho pode ser o mesmo, em forma de bola, triangular ou quadrada. Mas olhando de perto é fácil ver que as pedras são completamente diferentes por dentro.

O âmbar autêntico geralmente tem bolhas, pequenas rachaduras e restos de plantas ou insetos em seu interior, portanto, a melhor maneira de verificar sua autenticidade é identificar essas imperfeições que tornam o âmbar tão especial e verificar se elas não correspondem. A cor também pode colocá-lo no rastro do âmbar falso, já que a cor do âmbar autêntico geralmente não é uniforme e variações de tom podem ser encontradas na mesma peça e entre as diferentes contas que compõem um colar ou pulseira.

5- O toque do autêntico âmbar

Também sua textura ajuda a identificá-lo, o âmbar é quente e não excessivamente duro e é perceptível ao toque.

6- O cheiro do autêntico âmbar

O âmbar verdadeiro é uma resina natural, por isso tem um cheiro distinto. Basta aquecer um pouco a pedra de âmbar entre as mãos ou esfregá-la e você notará que ela exala um aroma suave de resina, de pinho. É a sua essência.

7- O peso do âmbar autêntico

Outra das peculiaridades do âmbar autêntico, pelo fato de ser um material de origem orgânica, é sua baixa densidade, por isso pesa pouco. Por outro lado, o falso âmbar costuma ser muito mais pesado, pois pode conter materiais como vidro, baquelita e poliéster, o que aumenta sua densidade e peso.

O âmbar autêntico, por exemplo, tende a flutuar na água salgada devido à sua baixa densidade , embora esse teste não responda quando o âmbar é montado em metal, pois o peso do metal o distorce. Na verdade, o nome âmbar vem do árabe e significa “o que flutua no mar”. Este teste pode funcionar na maioria dos casos, mas também não é 100% conclusivo, pois existem algumas amostras genuínas de âmbar que são mais densas que a água salgada, então elas também afundarão.

Se você quiser fazer este teste (só é válido para contas soltas, que não possuem metal) você pode diluir várias colheres de sal em um copo de água até que a solução fique saturada (você saberá disso porque a água não vai admitir mais sal e ele começará a se acumular no fundo do recipiente) e coloque o âmbar na água. Se flutuar, indicará que é âmbar genuíno, enquanto se for falso, provavelmente afundará rapidamente. Ao retirar seu pedaço de âmbar da água salgada, é importante limpá-lo com água fresca e secá-lo antes de guardá-lo.

8- A dureza do âmbar autêntico

O âmbar autêntico, sendo uma resina orgânica, não é um material muito duro , pelo que a sua autenticidade pode ser verificada diretamente pelo toque. Tem um toque macio muito diferente do plástico ou vidro, então apenas tocando nele você pode dizer se é âmbar real ou falso.

Uma forma de verificar também a sua autenticidade é riscá-la, embora não seja aconselhável porque danifica a pedra. Mas o vidro não pode ser arranhado, o âmbar pode. O teste pode ser feito com a ponta de uma faca. Se for âmbar, vai desmoronar rapidamente. Se for de plástico deixará algumas lascas de material elástico e se for de vidro não riscará. Tenha muito cuidado com este teste para verificar se o âmbar é autêntico, pois se for, o material será danificado.

9- A luminescência do âmbar autêntico

Um teste é submeter a joia de âmbar a uma lâmpada ultravioleta, o que é suficiente para que as lojas normalmente tenham que verificar a autenticidade das notas. Sob esta luz, o âmbar acende até certo ponto e os reflexos azuis podem ser vistos dentro dele, a menos que seja âmbar não tratado, que acenderá em tons de marrom.

10- A eletricidade estática do âmbar autêntico

O âmbar autêntico possui propriedades eletrostáticas, portanto, um teste pode ser feito carregando o material. Isso pode ser feito esfregando-o com um pedaço de roupa, para que fique carregado negativamente e seja capaz de atrair um cabelo ou pequenos pedaços de papel.

o que é espaço de coworking? tudo o que você precisa saber sobre espaços de coworking

o que é um espaço de coworking?

como o nome diz, um espaço de coworking com endereço fiscal em Sorocaba ou em cidades pelo mundo, é um espaço colaborativo que freelancers e pequenas startups compartilham. ao invés de ter um escritório próprio e um custo excessivo, eles usam esses espaços e são muitos os benefícios.

o surgimento de novas tecnologias também mudou a maneira como trabalhamos, hoje em dia as pessoas trabalham remotamente, no quarto, na cozinha de casa, viajando pelo mundo enquanto trabalham e também trabalhando em um espaço de coworking em vez de ter o seu próprio.

Neste artigo, você aprenderá mais sobre espaços de coworking e a melhor opção para você escolher.

que tipos de espaços de coworking estão disponíveis?

  1. escritório convencional/aberto: O espaço de coworking de escritórios convencionais ou abertos é o que geralmente vem à mente quando as pessoas pensam em coworking.
  2. Corporativo/Profissional: Será mais econômico do que um espaço sofisticado com uma atmosfera tranquila, privada e altamente profissional, com iluminação mais fraca e menos energia do que outros tipos de espaços.
  3. Espaços de Trabalho Privados: Esta categoria de espaço flexível é voltada para empresas e equipes que se preocupam que estar no mesmo espaço que outras empresas tenha mais pontos negativos do que positivos.
  4. Espaço para reuniões: como empresas e freelancers, você pode optar por alugar um espaço para reuniões em vez de assinar um contrato para um espaço de escritório que eles visitam todos os dias. Muitos espaços de coworking oferecem uso por hora, diariamente ou até semanalmente para reuniões com clientes, sessões de colaboração, reuniões de planejamento e muito mais.

Vantagens dos espaços de coworking

O aumento contínuo de espaços de coworking em cidades de todo o mundo é impulsionado por vários fatores diferentes, como fatores econômicos. Os espaços de coworking de Nairóbi também seguiram a tendência mundial e hoje vemos muitos coworkings na cidade. Enquanto isso, o espaço de coworking oferece os melhores serviços para um espaço excelente a preços acessíveis.

O espaço de coworking, como tudo na vida humana, tem suas próprias vantagens e desvantagens. por exemplo, listamos um monte de vantagens para freelancers e startups:

  • condições de pagamento conforme o uso : com espaços de coworking, você não precisa comprometer um contrato de longo prazo para o escritório, o que pode ajudar a manter as coisas acessíveis para empresas jovens que estão começando.
  • senso de comunidade : você pode imaginar se você trabalha em casa ou no café sozinho sem nenhum senso de trabalho em equipe ou de pertencer a um grupo maior. você poderia adicionar a esta condição os desafios de uma startup recém-nascida. seria frustrante. Um espaço de coworking com endereço fiscal em Campinas ou cidades do Brasil, conecta você a um grupo de profissionais que pensam como você. cria um sentimento de pertença a um grupo maior.
  • Custos mais baixos : o maior benefício de um espaço de coworking pode ser a relação custo-benefício do mesmo. você compartilha muito do seu custo com os outros e é uma situação vantajosa para você e outros no espaço de coworking. Ao compartilhar coisas como instalações de escritório, serviços de recepção e internet com funcionários de outras empresas, negócios e freelancers com um orçamento apertado, você pode evitar taxas de serviço e cortar muitos de seus custos que os arrendamentos de longo prazo.
  • Mais produtividade:  no livro Best-seller, Atomic Habits , James Clear disse que: se você quer potencializar seus bons hábitos, junte-se a um grupo que tenha esses hábitos como identidade de grupo. Os espaços de coworking são como aquele grupo que queremos nos juntar para aumentar nossa produtividade, eles tinham a produtividade em seu gene. Compartilhar um espaço de coworking com vários colegas de trabalho motivados e focados é uma boa maneira de aumentar sua própria produtividade. 

Dicas para encontrar o melhor espaço de coworking para o seu trabalho

Localização

Seja você um freelancer com um laptop ou o CEO de sua startup, o fator mais importante de um bom espaço de coworking é sua localização demográfica e acesso a instalações urbanas. 

O melhor espaço de coworking com endereço fiscal em Jundiaí ou em cidades grandes pode não ser o mais próximo de você, mas deve ser conveniente chegar de carro, bicicleta ou transporte público.

Facilidades 

Café, internet, espaço verde, restaurante e instalações de impressão podem ser vantagens dos espaços de coworking.

Flexibilidade

Se você tem uma startup e precisa de um espaço de coworking, certifique-se de que o espaço de coworking que você escolher oferece uma locação de escritório flexível e de curto prazo para dar à sua empresa o espaço necessário para navegar pelo inesperado e dimensionar facilmente para atender às suas prioridades em mudança medida que a empresa se expande.

Custo e orçamento

Os espaços de coworking podem ser uma opção barata para empresas que desejam se mudar ou expandir devido ao custo dos móveis, cobranças inesperadas, como reparos e comodidades cobertas pelos espaços de coworking.

Seu orçamento acabará por determinar quais espaços de coworking são acessíveis para você e sua equipe, mas sempre tenha um caminho claro para você provavelmente expandir e escolher seu espaço de coworking com relação a isso.

Cuidados e alimentação da corrente da sua bicicleta

A corrente pode ser o componente mais importante em todas as bicicletas. Composta por centenas de placas, elos e roletes, a corrente contém mais peças móveis do que o resto da sua bicicleta combinada. Portanto, a manutenção regular de sua corrente é essencial para manter sua bicicleta funcionando de maneira suave e confiável.

O conselho que damos a cada novo comprador de bicicletas é “limpar e lubrificar regularmente sua corrente”. Então, como exatamente você vai fazer isso? E com que frequência é “regularmente?”

As 5 dicas a seguir fornecem algumas dicas básicas para limpar sua corrente e manter a sua bicicleta segura para evitar problemas com a corrente.

5 dicas básicas para limpar sua corrente

1- Faça uma limpeza “rápida e fácil” usando um pano e um pouco de solvente desengordurante.

Você pode tirar a maior parte da sujeira acumulada, graxa e lamaçal da sua corrente usando esse método.

Coloque sua bicicleta em um suporte de trabalho, se você tiver um, ou incline-a novamente em uma parede ou prateleira para que você possa girar livremente os pedais para trás. Pegue um pano, dobre-o algumas vezes e despeje ou borrife uma quantidade generosa de desengordurante sobre ele. Enrole o pano na parte inferior da corrente e segure-o no lugar com a mão esquerda enquanto pedala para trás com a mão direita. Segure o pano com firmeza o suficiente para limpar a sujeira, mas frouxamente o suficiente para que a corrente possa se mover livremente.

Aplique pressão na corrente alternadamente nas laterais e na parte superior e inferior. Remova e reaplique o pano para reposicionar a corrente em uma área limpa do pano. Repita esse processo várias vezes até que a corrente pareça tão limpa quanto possível. Ainda haverá alguma gosma dentro dos rolos e entre as placas que você não poderá alcançar, mas isso é bom o suficiente para você entrar em uma pitada. Aplique um novo lubrificante de corrente (veja o item 3 abaixo) e comece a andar!

2- Para uma limpeza completa e completa, use um dispositivo de limpeza de corrente.

Um dispositivo de lavagem de corrente é ideal para dar uma limpeza completa à sua corrente. Você enche com desengordurante líquido, coloca a corrente dentro do aparelho (não precisa retirar a corrente da bicicleta) e gira os pedais. À medida que a corrente se move através do dispositivo, vários conjuntos de escovas entram em todos os cantos e fendas da corrente para limpar completamente toda a sujeira.

Um método ainda melhor de limpar completamente sua corrente é removê-la da bicicleta e deixá-la de molho por várias horas em um balde de desengordurante. Muitas correntes têm um elo mestre de liberação rápida que facilita a remoção e reinstalação da corrente sem a necessidade de usar uma ferramenta para desconectar os elos da corrente.

Limpe a corrente com um pano limpo e deixe secar antes de reaplicar o lubrificante de corrente.

3- Aplique lubrificante na corrente e limpe o excesso.

Mude sua bicicleta para a marcha média em seu cassete ou roda livre (o conjunto de marchas em sua roda traseira). Com a mão esquerda, segure a ponta do frasco de lubrificante de corrente sobre a corrente perto das engrenagens e pedale para trás com a mão direita. Aperte o frasco de lubrificante para fazer um fluxo leve, mas constante, na corrente. Você quer lubrificar apenas a corrente; não é necessário colocar lubrificante nas engrenagens. Continue girando os pedais até ter certeza de que passou lubrificante em toda a extensão da corrente.

Retire a garrafa de lubrificante e gire os pedais mais algumas vezes e deixe descansar por alguns minutos para ter certeza de que o lubrificante tem a chance de entrar nos rolos e pinos da corrente. Em seguida, pegue um pano limpo e limpe o excesso de lubrificante da parte externa da corrente.

Existem muitas marcas e tipos diferentes de lubrificantes de corrente, e qual é o melhor para você depende do tipo de bicicleta que você possui e das condições em que você pedala. Passe em nossas lojas e converse com nossos especialistas para ajudar na escolha do melhor lubrificante de corrente para você.

4- Se você fizer alguma coisa, é melhor do que não fazer nada.

Muitas pessoas passam meses, ou até anos, sem fazer nenhuma limpeza ou lubrificação de sua corrente, seja porque não têm tempo ou conhecimento para fazê-lo. Ou, eles têm medo de que, a menos que possam fazê-lo perfeitamente, não deveriam tentar.

Sim, é melhor limpar sua corrente antes de reaplicar o lubrificante de corrente, mas se seus amigos estiverem batendo os pés esperando para começar um passeio, e você perceber que sua corrente está suja e rangendo, é melhor esguichar rapidamente de lubrificante do que deixá-lo seco. Sim, é melhor fazer uma limpeza completa em vez da limpeza “rápida e fácil”, mas fazer a limpeza rápida e fácil é melhor do que nenhuma limpeza.

5- Verifique sua corrente periodicamente quanto a desgaste.

À medida que sua corrente passa por sua amplitude de movimento ao longo de meses de uso, as superfícies dentro dos roletes de ligação se desgastam, tornando a corrente um pouco mais longa. Isso às vezes é chamado de “estiramento da cadeia”. À medida que a corrente se estica, o espaço entre os elos não corresponde exatamente ao espaço entre cada dente de suas engrenagens. Neste ponto, sua corrente começa a desgastar suas engrenagens.

A chave é verificar periodicamente a sua corrente para esticar antes de chegar ao ponto em que começa a desgastar suas engrenagens. É muito mais barato substituir sua corrente do que substituir suas engrenagens. No entanto, mesmo substituindo sua corrente regularmente, você eventualmente chegará ao ponto em que terá que investir em um novo cassete ou roda livre para substituir suas engrenagens desgastadas e, eventualmente, até mesmo coroas desgastadas em seu pedivela dianteiro.

Trabalho digital: Eficiência através de soluções profissionais de PDF para empresas

Trabalho digital: Eficiência através de soluções profissionais de PDF para empresas

O mundo digital do trabalho mudou os processos de trabalho das pequenas, grandes e médias empresas. Hoje, grande parte da comunicação e da troca de dados e informações ocorre eletronicamente. 

De muitas maneiras, você pode economizar muito tempo – o deslocamento se tornou mais rápido e eficiente. A cultura da equipe dentro de uma empresa também veio à tona.

Algumas empresas estão até optando pelo “escritório sem papel” e estão evitando deliberadamente o acúmulo de documentos e registros antiquados. No entanto, isso cria desafios completamente novos: como classificar e organizar documentos digitais e garantir que todas as informações disponíveis possam ser acessadas rapidamente a qualquer momento?

Novos desafios através de documentos digitais

Ao trabalhar com documentos digitais de qualquer tipo, há sempre o perigo de que muitos formatos diferentes sejam usados ​​ou informações sejam perdidas. Mas como você evita esse caos de dados, especialmente quando há uma grande inundação de dados? 

E como você pode facilitar o trabalho dos funcionários e, ao mesmo tempo, promover o trabalho em equipe? Isso só pode ser alcançado através de um arquivamento de dados adequado. 

Não só os escritórios e autoridades, mas também as áreas do setor da saúde e os colaboradores de RH da área de recursos humanos são confrontados com a tarefa de ter de trabalhar cada vez com mais eficiência e rapidez – por isso, estão cada vez mais a mudar para ficheiros digitais. Isso, por sua vez, tem o pré-requisito de que o arquivamento de dados sensato e legalmente compatível ocorra.

O arquivamento digital de longo prazo como base do mundo do trabalho moderno

Tanto a comunicação interna (messenger, e-mail, intranet ou groupware) quanto a comunicação com clientes e parceiros de negócios estão se tornando cada vez mais inteligentes e móveis hoje. Isso significa que o arquivamento digital de longo prazo deve estar disponível. 

Esse arquivamento de longo prazo é a base do trabalho em equipe bem-sucedido, como é mantido em todas as empresas modernas hoje. O trabalho em equipe deve estabelecer um processo uniforme como base que garanta a transferência e recuperação de dados e informações digitais. 

Você também precisa atender a certos requisitos legais, por um lado, e observar os requisitos de acessibilidade, por outro, se você mergulhar completamente nos processos de trabalho digitais.

Vantagens de implementar um arquivo digital de longo prazo com PDF/A

Para tornar os processos de trabalho descomplicados e eficientes, especialmente em empresas de médio porte, a troca de informações na forma de vários documentos, anexos e formatos de arquivo deve ser regulada de maneira otimizada. 

Seja entre clientes, fornecedores, colegas ou equipes: É importante que a comunicação decorra sem problemas e que todos os documentos, anexos e formatos de ficheiros possam ser trocados, abertos e arquivados sem problemas.

Um arquivo de longo prazo com PDF/A é importante para todas as grandes empresas . Isso significa: Todas as informações e documentos digitais podem ser rapidamente encontrados, trocados e disponibilizados para outros membros da equipe – sem que os documentos desapareçam, as coisas sejam irrevogavelmente alteradas ou os formatos não possam ser abertos.

Dê uma olhada também nesse artigo: como converter word em pdf

Remédios naturais para dor de garganta

Remédios naturais para dor de garganta

Mudanças na pressão barométrica e elevações nos alérgenos sazonais podem irritar a garganta e enfraquecer o sistema imunológico e causar dores de garganta.

O resfriado comum também costuma ser uma dor de garganta; estes ocorrem mais frequentemente na primavera e no outono, mas podem realmente ocorrer em qualquer época do ano.

Encha com óleo de orégano

Você provavelmente tem orégano em seu armário de temperos, mas você pode querer adicioná-lo à sua caixa de remédios também. O óleo de orégano é conhecido por seu alto teor antioxidante e propriedades antimicrobianas que podem ajudar a combater infecções virais, como o resfriado comum.

Se uma infecção bacteriana, como uma faringite estreptocócica, causa dor, você também pode estar com sorte. Descobriu-se que o óleo de orégano possui fortes propriedades antibacterianas que podem ser tão eficazes quanto uma rodada de antibióticos sem danificar nenhum dano microbioma intestinal.

Apenas lembre-se de conversar com seu médico se achar que pode ter uma infecção bacteriana.

Decomponha com óleo de eucalipto.

Respire aliviado – o aroma fresco de eucalipto está aqui para ajudar. Demonstrou-se que o eucalipto se solta na garganta, ajudando você a limpar e desobstruir as vias aéreas. Este óleo essencial também contém propriedades antimicrobianas e anti bacterianas para ajudá-lo a combater o resfriado. Tente adicionar algumas gotas de eucalipto ao dispensador de óleo para respirar seus poderes curativos.

Você também pode optar por usar um difusor de aromas para inalar o vapor do óleo, que ajuda a criar mais resistência contra essa e outras doenças inflamatórias!

Evite completamente a dor de garganta.

Agora que você venceu seu resfriado, é hora de se concentrar em aumentar suas defesas para não ser pego em outro em breve.

Um estilo de vida saudável cheio de frutas e vegetais antioxidantes, muitos líquidos e sono tranquilo é a melhor maneira de se proteger do frio, mas aqui estão algumas maneiras de fortalecer seu sistema imunológico e combater doenças futuras.

O CDC sugere que as mãos sejam lavadas frequentemente com água morna e sabão, especialmente durante os picos de gripes e resfriados, para impedir a propagação de bactérias.

Você também pode ajudar seu sistema imunológico aumentando sua reposição. Criar uma rotina suplementar que inclui óleo de orégano, vitamina D e um multivitamínico apoiará seu sistema e o manterá no topo e até tentar usar um colar ambar para fortalecer o sistema imunológico de forma natural!

Não se esqueça de reservar um tempo para o autocuidado. Seja lendo um livro, caminhando ou colocando uma máscara facial, o tempo para se concentrar pode ajudar a reduzir o estresse e manter seu sistema imunológico forte.

Estas são as coisas que você aprenderá no coworking

O coworking com Endereço fiscal no Brasil pela maioria das pessoas está associado à liberdade profissional. Ensina gestão de tempo e projetos. 

Mas não só isso. Há também uma série de outras habilidades importantes que você pode aprender enquanto trabalha em um espaço de coworking.

Tomando decisões 

Selecionar um espaço de escritório para alugar é a primeira decisão que você deve tomar. Qual espaço vai ser o melhor um centro ou na periferia, moderno ou mais discreto? Já no início você terá uma lição de liderança, mas um bom treinamento é sempre bem-vindo. 

Ao lidar com seu próprio negócio ou lidar com um projeto internacional durante o coworking, tomar decisões difíceis não será mais um problema para você.

Organização do trabalho 

Coworking com endereço fiscal em Sorocaba ensina bons hábitos. Isso inclui, por exemplo, gerenciar o próprio tempo e projetos. Você determina o que é urgente e qual tarefa pode esperar. Você define prioridades e trabalha de acordo com uma lista ou modelo preparado. 

Essa organização de trabalho certamente impactará sua eficiência e ensinará consistência.

Eficiência 

Pesquisas do portal Deskmag mostram que 85% das pessoas que trabalham em espaços de coworking estão mais motivadas e 42% delas relataram aumento de renda. 

Esta é principalmente a prova do aumento da eficiência entre as pessoas que decidiram alugar um escritório no Brasil. Por que é tão? No coworking, você se concentra mais na execução de tarefas e, graças a isso, otimiza o trabalho. Simples?

Esforçando-se para o objetivo

Coworking no Brasil ensina independência. Alcançar o sucesso depende de você. 

É por isso que você se concentra no trabalho, não inventa desculpas para fazer outra coisa e se esforça ambiciosamente para atingir a meta.

Ainda não definiu seus objetivos? Não se preocupe. Trabalhando em um espaço de coworking com endereço fiscal em Jundiaí, você encontra pessoas de diferentes ambientes profissionais e, graças a isso, pode se olhar de uma perspectiva diferente. 

Talvez aqui você veja se a carreira empreendida está certa ou simplesmente vai aprender o que é mais satisfatório para você.

Estabelecendo contatos

Trabalhar em um espaço de coworking permite construir uma comunidade de negócios. Você tem uma mesa e um projeto que precisa ser executado ótimo, mas com certeza você também quer se desenvolver ou desenvolver o negócio. 

Assim como 50% das pessoas que trabalham em coworking no Brasil. Portanto, não tenha medo de conversar com outras pessoas e construir sua rede de contatos.

Um escritório de coworking com endereço fiscal em Campinas para empresas inclui pessoas com várias formações, provenientes de diferentes áreas e até de diferentes partes do mundo. Essa diversidade resulta em que você pode observar os outros e estabelecer novos relacionamentos. 

Conosco, você pode aprender a lidar com negociações comerciais e até mesmo negociar as condições de cooperação. Você está interessado?

O princípio do equilíbrio entre vida profissional 

Ao trabalhar em um grande projeto nos prédios de escritórios no Brasil e descobrir o ambiente internacional, você muda os padrões de trabalho. Você vê como os outros abordam seus deveres e verifica sua própria abordagem. 

Com certeza será mais fácil para você cuidar do seu equilíbrio entre vida profissional e pessoal, ou seja, o equilíbrio entre sua vida privada e profissional. Afinal, se você trabalha em termos de seu próprio negócio, é você quem decide quando e onde lida com suas responsabilidades.

Como a indústria pode aquecer o mercado imobiliário?

O mercado financeiro é conhecido por sempre possuir uma conexão entre todos os seus lados e o maior exemplo disso são os exemplos de como as notícias internacional podem influenciar os valores das cotações das ações nacionais e internacionais, ao menor sinal de risco para os investimentos os investidores retiram o seu dinheiro e isso possui um grande impacto em todas as formas de investimentos. 

Porém da mesma forma que as notícias podem ter esse poder outras coisas podem influenciar de maneira positiva o mercado financeiro e hoje vamos aprender sobre várias formas de como isso pode acontecer.

Existe uma lista muito extensa de formas que notícias e construções podem influenciar de uma maneira boa todos os mercados internacionais, porém hoje vamos focar nossa análise em como o resto do mercado pode influenciar de maneira positiva o mercado imobiliário e a primeira delas é como a indústria pode ajudar o mercado imobiliário a se aquecer. 

 

Fatores do Mercado Imobiliário

A primeira vista esses dois elementos do mundo financeiro aparentam estar bem distantes um do outro porém quando começamos a analisar de forma mais profunda começamos a descobrir várias conexões que realmente justificam até uma preocupação antecipada por parte do mercado imobiliário com esse mercado, vamos entender a razão disso. Para explicar melhor essa situação é necessário pegar como exemplo uma situação hipotética onde será construída uma planta fabril que vai produzir e preencher latinhas de cerveja em uma cidade do interior de qualquer estado do Brasil. Como estamos tratando de uma cidade do interior devemos entender que existem poucas pessoas que moram lá e por consequência existem poucos empreendimentos imobiliários e também poucos hotéis.

 

Continuando a análise dessa situação hipotética a construção dessa fábrica, por exemplo uma gigante como a Ambev e também a sua operação vai demandar uma quantidade gigante de mão de obra especializada e como nós estamos tratando ainda de uma cidade do interior será necessário trazer toda essa mão de obra de alguma cidade grande dos arredores ou no caso de engenheiros de cidades ainda mais distantes e a maior pergunta de todas aparece agora, onde todas essas pessoas vão viver e se hospedar? Essa pergunta explica bem o ponto que estamos querendo chegar aqui agora.

 

O mercado imobiliário local deve estar sempre observando todas as oportunidades mesmo que estejam muito a frente pois ele deve estar preparado para receber todas essas pessoas assim que elas chegarem para participar da construção da fábrica e também deve estar preparado para manter as pessoas que vão viver na cidade pois vão trabalhar nessa mesma fábrica depois que ela estiver pronta. Falando em termos mais técnicos e citando alguns sites especializados no assunto é possível afirmar que durante a construção da fábrica o mercado deve preocupar-se em oferecer aluguel de curto e médio prazo, isso acontece pois muitas pessoas vão embora depois do fim da construção da fábrica e por conta disso o mercado imobiliário deve estar preparado para oferecer vários contratos de venda  que vão vigorar durante o período da construção (período esse que costuma durar entre 12 e 24 meses).

 

Como falamos acima é necessário que o mercado esteja focado em fornecer contratos de aluguel nesse primeiro momento pois se o mercado começar a construir casas para vender essas casas não vai ser vendidas pois os compradores sabem que vão embora em questão de meses e com isso a cidade vai ficar cheia de casas vazias para vender e o número de pessoas que vai ficar para trabalhar é consideravelmente menor do que o número de pessoas necessários para a construção.

 

Agora que já entendemos como o mercado deve se comportar durante a construção da fábrica nós já podemos começar a entender como o mesmo deve se comportar depois da construção dessa fábrica e vamos ver que é justamente o oposto que deve ser feito. 

 

O Mercado Financeiro

Enquanto na primeira parte dessa construção o mandamento era somente contratos de alguém, agora o mercado deve preocupar-se em construir novos empreendimentos para conseguir vender as casas que vai construir ou até que construir junto com o andamento da construção da fábrica. 

 

Isso acontece pois depois que todas as pessoas que vieram para construir a fábrica foram embora ficaram somente as pessoas que vão trabalhar e manter a fábrica funcionando e essas pessoas sim vão necessitar de uma moradia para longo prazo e como sabem que vão ficar morando nesse local por um bom tempo elas podem se comprometer com um financiamento bancário e assim comprar a sua casa própria. Por exemplo, com uma casa no Condomínio Alphaville Barra.

 

Um último cuidado que deve ser tomado principalmente quando for o caso de construção de fábricas de empresas internacionais é  a atenção para o setor hoteleiro também. Essa atenção é necessária pois quando estamos tratando de empresas de fora do Brasil vários representantes dessa empresa deverão vir periodicamente para acompanhar o andamento da obra, para dar as diretrizes de padronização dessa planta com todas as outras, para negociar contratos com o governo local e por conta disso o setor hoteleiro deve estar preparado também para receber essas pessoas importantes em hotéis que tenham qualidade suficiente para fazer isso. Devemos lembrar que se essa cidade do interior não possuir esses hotéis de luxo será necessária a construção desses hotéis também e novamente isso vai afetar o setor imobiliário da região pois são mais pessoas para construir e trabalhar no hotel.

 

Então, dessa forma podemos resumir essa primeira análise de hoje dizendo que sim a indústria pode afetar de forma positiva e negativa o mercado imobiliário local, com isso aprendemos que o mercado imobiliário deve sempre estar atento a todas as oportunidades mesmo que elas sejam criadas por um mercado totalmente diferente como o da indústria de produção.

 

5 dicas para se tornar um poliglota

5 dicas para se tornar um poliglota

Aprender vários idiomas é o sonho de muitas pesssoas. A capacidade de se comunicar em mais de um idioma não apenas abre portas para as pessoas, mas também auxilia no desenvolvimento de habilidades de raciocínio.

Durante anos, muitas pessoas foram ensinadas a acreditar que para se tornar um poliglota é necessário se envolver com o estudo de idiomas desde a infância, razão pela qual pessoas adultas jamais poderiam alcançar este sonho.

Acontece que essa crença é infundada. Apesar de existirem evidências de que estudar idiomas desde a infância pode ser excelente para o desenvolvimento das pessoas, não existem indicativos de que adultos não podem se tornar poliglotas.

Vamos ver algumas dicas práticas para quem deseja se tornar um poliglota mesmo na fase adulta.

Dicas para aprender várias línguas

Há muitas razões pelas quais você pode querer saber falar uma língua diferente. Se você quer viajar, trabalhar ou simplesmente desfrutar de uma cultura diferente, sabendo que uma nova linguagem é uma ótima maneira de fazer amigos e se comunicar com pessoas de todo o mundo. 

No entanto, leva tempo e dinheiro para aprender a falar uma nova língua. Felizmente, existem maneiras de facilitar o processo, incluindo essas dicas.

Defina metas

Definir metas é uma parte importante do processo de aprendizagem. Definir metas inteligentes significa quebrar o idioma em pedaços gerenciáveis para que você possa progredir. 

Concentre-se no mais importante

Certifique-se de que esses objetivos são relevantes, mensuráveis e alcançáveis. Isso tornará mais fácil manter-se motivado e no caminho certo com seu novo processo de aprendizagem de idiomas. Além de ser relevante, seus objetivos devem ser realistas e significativos. 

Ao seguir um plano, você poderá aprender dois ou mais idiomas simultaneamente.

Estude mais de um idioma por vez

Para um iniciante, é importante se concentrar em aprender os fundamentos de uma nova língua. Isso inclui sua gramática básica, pronúncia e vocabulário. Quando estiver confortável com esses fundamentos, você pode passar para conceitos mais avançados. 

No entanto, o processo de aprendizado requer muito tempo e esforço. Para obter o status de poliglota, você também deve torná-lo um ponto para aproveitar a aprendizagem.

Aprender uma nova linguagem não impede que você aprenda outras línguas, portanto, certifique-se de estabelecer uma programação para o aprendizado contínuo. 

Leia textos nos idiomas que você está estudando

Se você está aprendendo uma nova língua pela primeira vez, concentre-se em ler textos em ambos os idiomas ao mesmo tempo. Os textos de leitura em ambas as línguas lhe darão uma melhor compreensão de cada estrutura linguística.

Muitos poliglotas usam uma abordagem de aprendizado baseada no sistema. A ideia por trás da abordagem é que você revise uma palavra ao longo de vários dias, garantindo assim que ela se torne arraigada em sua memória de longo prazo. 

Alguns poliglotas até usam o método transfer english bia arantes para ajudar com sua aprendizagem de idiomas.

Reconheça suas limitações

Você pode se tornar um poliglota estudando vários idiomas e aprender novos regularmente. No entanto, esta não é uma tarefa fácil. 

Se você está tendo muita dificuldade em estudar múltiplos idiomas, é melhor escolher uma linguagem simples para começar. Como você conhece melhor a língua, você pode escolher mais difícil. 

No entanto, você não deve esquecer de pesquisar a estrutura gramatical e o alfabeto da linguagem para entender sua sintaxe.

Usando o princípio da proximidade, você pode aprender um idioma em um mês. Especialistas sugerem que você deve apontar pelo menos 700 horas de prática, a fim de se tornar fluente nela. 

No entanto, a maneira como você gasta nessas horas depende dos objetivos que você tem. Idealmente, você deve estar em contato constante com a linguagem. Ele fará o processo de aprendizagem mais rápido e mais fácil.

Características de um poliglota

Uma das principais características de um poliglota é a dedicação total com o processo de estudo. Existem várias maneiras de aprender uma nova língua, incluindo a aprendizagem da própria língua e sua gramática. 

Aprender a falar outra língua requer contato diário com o falante nativo dessa linguagem, um sistema e um plano para chegar lá. Ao seguir estas dicas, você pode estar no seu caminho para se tornar um poliglota.

A melhor maneira de se tornar um poliglota é se matricular em um curso de idiomas. Estudar com a ajuda de profissionais e instrutores é uma ótima maneira de aproveitar ao máximo o seu tempo e ter acesso a professores que podem ajudá-lo com qualquer dúvida que você possa ter. 

Esses professores poderão mostrar o caminho dos seixos e responder a quaisquer perguntas que você possa ter. No entanto, muitas pessoas estão procurando por cursos de idiomas gratuitos online.

Seguir essas dicas pode ser o segredo para se tornar um poliglota mesmo se começar a estudar idiomas depois da fase adulta. Essas dicas ajudam muitas pessoas a alcançar este objetivo.

Fogões a lenha: Como escolher o melhor para sua casa?

Os fogões a lenha são dispositivos de aquecimento com os quais você obterá um calor natural, confortável e ecológico em sua casa. Neste artigo infográfico vamos explicar como funcionam os fogões a lenha e o que você deve procurar na hora de escolher o melhor fogão a lenha para suas necessidades.

Uma das principais características dos fogões a lenha é que utilizam uma fonte de energia renovável como a madeira, desde que obtida em condições sustentáveis ​​de corte e replantio.

Seu funcionamento é relativamente simples: o calor é obtido pela queima ou queima de toras de madeira na lareira da salamandra que, dependendo de seu design e do material de que é feita, pode emitir calor por radiação ou por convecção.

A sua instalação dificilmente requer grandes obras, embora seja necessário colocar uma saída de fumos vertical no telhado ou no convés, conforme indicado pela RITE.

São ideais para aquecer ambientes abertos de 25 a 100 m2 como apartamentos ou lofts ou também como complemento de um sistema de aquecimento em zonas mais frias da casa (uma cave, um sótão…).

Também devemos ter em mente que uma distância de segurança de pelo menos 1 metro deve ser deixada entre os fogões e os móveis e cortinas. Se a parede for inflamável (madeira, gesso cartonado) também é aconselhável deixar uma certa distância ou adicionar uma placa de proteção. Acima de tudo, se instalarmos uma lareira de ferro fundido, pois este material emite um calor radiante muito poderoso.

Você pode se interessar por um fogão 5 bocas para você preparar melhor ainda suas comidas.

Os fogões a lenha podem ser feitos de aço ou ferro fundido.  

Fogões a lenha de ferro fundido

Dependendo do material de que são feitos, os fogões a lenha podem ser feitos de aço ou ferro fundido. Os fogões a lenha de ferro fundido são mais robustos, duram mais em perfeitas condições devido à sua alta resistência ao calor.

O ferro fundido é um material com uma inércia muito alta , por isso leva mais tempo para aquecer, mas uma vez quente, o calor dura muito tempo quando o fogão é desligado. Eles emitem calor direto, radiante e constante e, portanto, é recomendável deixar uma distância de segurança maior entre móveis, cortinas e, claro, pessoas. Por esta razão, são uma boa opção para inserir no oco de chaminés antigas em casas de campo.

Além disso, os fogões de ferro fundido destacam-se por sua estética rústica, o que os torna objetos decorativos por direito próprio.

Fogões a lenha de aço

Os fogões de aço têm uma estrutura mais leve, portanto sua inércia é menor. Isso significa que eles aquecem mais rapidamente, mas também esfriam mais cedo quando desligados. Esses tipos de fogões geralmente possuem um material refratário dentro da lareira para amplificar sua capacidade térmica e inércia (como vermiculita ou cerâmica).

Existem ainda as estufas de aço de dupla combustão que otimizam o seu desempenho e reduzem as emissões, aproveitando também o calor dos gases gerados numa segunda combustão que ocorre numa segunda câmara, conseguindo assim rendimentos até 80%.

Lembramos que os fogões a lenha geralmente atingem rendimentos de 70%. Quanto maior o desempenho, menor será o consumo de energia que geraremos.

Os fogões de aço geralmente emitem calor por convecção, ou seja, aquecem o ar e o distribuem por toda a sala, embora também emitam alguma radiação do vidro da lareira.

Fogões a lenha por convecção ou radiação?

Como mencionamos, os fogões a lenha de aço emitem calor por convecção, ou seja. O seu funcionamento é simples: o ar frio entra pela parte inferior da salamandra, é aquecido entre as duas paredes da salamandra e depois sai quente pela parte superior do aparelho e é distribuído em camadas de calor por toda a divisão. No caso dos fogões de convecção, como a troca de calor com o ar frio que entra ocorre dentro do fogão, as paredes dos fogões não queimam ao toque, por isso são mais seguras.

Fogões a lenha de radiação, como fogões a lenha de ferro fundido, no entanto, aquecem objetos na sala diretamente e mais rapidamente. Esses tipos de fogões emitem muito calor direto, então podem queimar quando tocados. Nesse caso, devemos ter muito cuidado com crianças ou animais de estimação que moram na casa.

O ideal é um fogão a lenha que combine convecção com radiação, pois assim teremos um calor mais uniforme em todo o ambiente.

Quantos metros quadrados um fogão a lenha aquece?

Uma salamandra a lenha pode aquecer entre 25 e 120 m2 (aprox.) sempre dependendo da potência da própria salamandra, mas também de outros fatores fundamentais da casa, como o seu isolamento, a zona climática em que se encontra, janelas que tem etc

Fogões a lenha que aquecem os radiadores

Existem também modelos de fogões a lenha que aquecem radiadores de água. Eles são chamados de hidro-fogões ou termo-fogões.

Os hidro fogões funcionam aquecendo um tanque de água que é instalado na parte traseira do fogão a lenha. O fogo gerado aquece este tanque e quando atinge uma determinada temperatura programada em um termostato, aciona uma bomba de circulação de alta eficiência que bombeia a água quente por toda a instalação hidráulica de radiadores. A este sistema pode ser adicionado um acumulador de água quente para armazenamento e posterior utilização de água quente sanitária em chuveiros e torneiras.

Como eles exigem uma grande quantidade de energia para aquecer tanto a sala quanto o tanque de água quente, os fogões hidro são normalmente fogões de ferro fundido.

Como acender um fogão a lenha

Acender um fogão a lenha é uma tarefa muito simples. Em primeiro lugar, recomenda-se aspirar ou recolher os restos de cinzas da ignição anterior com a ajuda da gaveta removível. Essas cinzas podem ser reaproveitadas para fazer compostagem ou como fertilizante para a terra, por exemplo.

Podemos nos ajudar com um produto que acelera a combustão (tabletes de ignição) que colocamos sob os menores troncos de madeira que podemos colocar na forma de uma pira triangular, do menor para o maior.

É muito importante abrir os tubos da chaminé ao fechar a porta do fogão a lenha. O que isso faz é gerar uma corrente de ar de baixo para cima que alimenta o fogo, entrando no ar pelas grades abaixo e saindo pela chaminé.

Quando o fogo pegou bem e a brasa foi gerada, é hora de adicionar toras maiores. Nesta altura podemos fechar as tiragens (a chaminé nunca completamente) para que o fogo não consuma tanto e dure mais.

Manutenção de fogões a lenha

Uma vez que o fogo esteja aceso e o vidro aquecido, é um bom momento para aproveitá-lo e limpá-lo. Devemos limpar a porta de vidro regularmente se quisermos desfrutar da agradável vista do fogo, pois com a fumaça ele tende a escurecer. Se fizermos esta tarefa com o fogo aceso, devemos sempre usar luvas de proteção.

A limpeza do tubo de evacuação de fumos (limpeza de chaminés) deve ser efectuada pelo menos uma vez por ano no final de cada estação. Existem produtos químicos que, quando queimados no mesmo fogão, ajudam a limpar a chaminé.

Como escolher tênis de corrida?

Escolher tênis de corrida não é uma coisa fácil, por ignorância, em muitas ocasiões cometemos um erro gravíssimo, compramos os tênis que gostamos sem saber se são esses que precisamos ou se são os que mais se encaixam no nosso perfil.

Escolher um tênis de corrida que não corresponda às nossas necessidades e ao nosso perfil pode levar a muitos problemas.

Para isso, apresentamos aqui alguns passos básicos que devem ser seguidos para escolher o tênis de corrida que corresponda às nossas necessidades e seja o mais semelhante possível ao nosso perfil de corredores.

Veja também o incrível calçado nike vomero 15 | Qualidade e conforto em um só tênis.

QUAL É O MEU TIPO DE PISO?

Saber o tipo de piso que você tem é algo muito importante a ter em conta na hora de escolher um tênis de corrida. Você deve saber a resposta para estas perguntas:

Que tipo de pegada eu tenho? Sou um corredor neutro? Eu sou um pronador? Ou, pelo contrário, minha pegada é totalmente supinadora?

PISO NEUTRO

Esse tipo de piso é o mais comum entre os corredores, isso não quer dizer que também seja seu. Esses corredores têm um piso completamente plano, para que mantenham as pernas paralelas durante a corrida.

QUE MOVIMENTO UM CORREDOR NEUTRO FAZ NA CORRIDA?

O primeiro apoio na aterrissagem ocorre no calcanhar, esse movimento é transferido para a parte central do pé e o corredor acaba se impulsionando com a parte frontal do pé.

PRONADOR

Apesar do fato de que a grande maioria não tem ideia, muitos corredores são pronadores. Isso leva muitos corredores por desconhecimento a utilizarem um material nesta prática que não atende às suas necessidades.

Esse tipo de corredor tende a correr com as pernas juntas e bater com a parte mais interna do pé, que absorve todo o peso durante o exercício. É comum ver corredores pronados sofrendo uma lesão no joelho devido à rotação do tornozelo.

É importante saber que dentro da pronação existem diferentes graus.

QUE MOVIMENTO FAZ UM CORREDOR PRONADOR NA CORRIDA?

O primeiro apoio na aterrissagem é feito pela parte externa do calcanhar, esse movimento é transferido para a parte direita do pé e acaba sendo impulsionado com a parte frontal mais centralizada do pé.

SUPINADOR

Essa pegada é rara, eles são conhecidos como corredores com arcos altos. Estes correm com as pernas mais afastadas, pelo que o piso é feito com a parte de fora do pé. É muito comum ver corredores com problemas no tornozelo devido ao piso.

QUE MOVIMENTO UM CORREDOR SUPINADOR REALIZA NA CORRIDA?

O primeiro apoio na aterrissagem é feito com a parte externa do calcanhar, esse movimento não é muito diferente de outros tipos de piso. O peso recai na parte lateral tanto na parte central do suporte quanto no empurrão final no antepé.

Por outro lado, saber a altura do arco do pé é essencial. Se você vai praticar corrida como de costume (diariamente ou 4 dias por semana) e com uma carga considerável de quilômetros, é aconselhável fazer um estudo com um podólogo, para conhecer nosso tipo de arco e comprar o tênis de corrida de acordo para ele. nossas características.

Conhecer nosso tipo de arco e nosso piso será um fator muito importante para determinar qual sapato devemos escolher.

O MEU PESO INFLUENCIA NA ESCOLHA DE UM SAPATO?

A resposta é clara, é claro. Dependendo do seu peso, o tênis de corrida terá que ter certas características. Na tabela a seguir resumimos tudo:

tipo de corredor Peso no homem Peso em mulheres tipo de sapato
Peso leve menos de 65kg menos de 50kg ·         sapato flexível

·         Sapato misto válido tanto para corrida como para treino.

Peso medio Até 75-80kg até 60kg ·         Sapato com mais amortecimento do que em peso leve.
Até 90kg Até 90kg Até 75kg ·         Sapato com bom amortecimento.

·         Solado médio largo.

·         É importante que o sapato seja capaz de absorver o máximo de impacto possível durante a corrida.

Peso pesado Mais de 90kg Mais de 75kg ·         Sapato com amortecimento considerável capaz de absorver o impacto durante a corrida.

·         Ótimo calcanhar e controle de pé interno.

QUE RITMO VOCÊ ESTÁ EXECUTANDO?

Treinar em altas taxas (4min/km) não é o mesmo que treinar em baixas taxas (5,30min/km).

Uma vez esclarecido isso, se meu treino vai ser em alta, minha busca é me movimentar com tênis leves (devemos sempre levar em consideração nosso peso). Mas se meu ritmo for baixo, em torno de 5,30 min/km, teríamos que optar por tênis de corrida com amortecimento e estabilidade.

EM QUE SUPERFÍCIE VOU CORRER?

Seu sapato deve ser o certo para o terreno em que você vai praticar. Se vai correr em superfícies diferentes dependendo do treino que faz, é aconselhável usar o calçado adequado para cada uma delas.

Se você corre no asfalto, deve levar em consideração duas coisas:

  • O amortecimento.
  • A sola, que é resistente ao atrito do asfalto e tem boa aderência.

Se a sua escolha for a montanha, deve optar pelo calçado Trail, que lhe proporciona um bom suporte, tração, estabilidade e proteção. A sola adapta-se perfeitamente a estes terrenos, possuem pitões para dar maior aderência e segurança à nossa corrida. Algo que devemos levar em consideração é que esses sapatos não funcionam bem no asfalto.

É IMPORTANTE SABER ESCOLHER O TAMANHO?

O tênis de corrida em hipótese alguma deve ser justo/pequeno ou pelo contrário deve sobrar muito espaço entre a ponta do polegar até o início do tênis. Recomenda-se sempre escolher o sapato com uma margem de 0,5cm de comprimento, pois durante a prática nosso pé dilata e isso pode causar dores e lesões desnecessárias.

OUTROS ASPECTOS A TER EM CONTA:

Tendo em conta tudo o que precede, não devemos esquecer certas coisas que são ainda menos importantes. Dependendo do nosso (se é largo ou estreito) devemos escolher bem a forma do sapato, se é uma forma larga ou estreita, não cometamos o erro de escolher um sapato que não caiba no nosso pé.

Algo que devemos lembrar são as lesões, tanto as antigas (não menos importantes que as atuais ou mais recentes) quanto as recentes, nunca devemos negligenciá-las, especialmente se tivemos problemas graves no joelho, tornozelo ou costas.